"Pesadelo na Cozinha" foi o pior que aconteceu a João
A produção não explicou que tipo de programa era e o espaço perdeu quase todos os clientes. A NiT passou por lá.

O Restaurante do Caipirinha, na Figueira da Foz, esteve em destaque no episódio deste domingo, dia 19 de janeiro, do programa da TVI "Pesadelo na Cozinha".

João, de 58 anos, é o responsável há quase quatro anos. É brasileiro e trabalha com a mulher, um dos filhos e uma empregada de mesa no Restaurante do Caipirinha.

João não se inscreveu para participar no “Pesadelo na Cozinha”, foi a equipa da Shine Iberia Portugal, a produtora do programa, que o contactou. O responsável pelo Caipirinha diz que na primeira abordagem não percebeu sequer que se tratava de um programa de entretenimento da TVI. Até assinar a última página do contrato, João não fazia a mínima ideia de que estava prestes a entrar na terceira temporada de “Pesadelo na Cozinha”. Pelos vistos, ninguém o avisou.

Antes das gravações do programa o Restaurante do Caipirinha tinha muito movimento, e no verão a sala até era pequena para tantos clientes. No inverno, tal como grande parte dos restaurantes da Figueira da Foz, a afluência diminui, é sazonal. Depois das gravações, João perdeu quase todos os clientes que tinha devido ao rumores que começaram a circular na cidade, por verem as carrinhas da produção à porta do seu restaurante.

Leia aqui o artigo completo.

 

20/01/2020 às 11:44

Imagem

Rui Marques

Pós-produção vídeo

Rui Marques

Jornalista

Ricardo Farinha
PUB